08/08/2021 às 06h08min - Atualizada em 08/08/2021 às 06h08min

​Empresa é multada em quase R$ 40 mil após queimada em área de preservação

Segundo a Polícia Ambiental, faltaram ações preventivas para evitar o incêndio

Uma empresa de Araraquara foi multada pela Polícia Ambiental em quase R$ 40 mil depois de constatada uma queimada ilegal que devastou parte de uma área de preservação.

Equipe da Polícia Militar Ambiental de Araraquara, fez vistoria numa propriedade rural no sábado (07) depois que pontos de queimadas foram detectados pelos satélites do Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais (INPE).
No local foi constatado que ocorreu um incêndio, atingindo 3,80 ha de uma vegetação nativa em estágio médio de regeneração natural, porém, a empresa responsável pela propriedade não adotou as medidas regulamentares a fim de evitar a propagação do fogo. Uma das irregularidades foi a falha na construção dos aceiros, espaços livres para que o fogo não passe de uma área para outra.

O representante da empresa confirmou à polícia que houve descuido naquela propriedade e que a empresa está disposta a reparar o dano.

Diante das irregularidades, foi lavrado em nome da empresa responsável o Auto de Infrações Ambientais no valor total de R$ 39.900,00, concomitantemente embargo da área. A empresa também infringiu a Lei de Crimes Ambientais n° 9.605/98.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »