Servidora e filha de prefeito de Américo Brasiliense recebe o Auxílio Emergencial

Lançamento do aplicativo CAIXA|Auxílio Emergencial

Digiqole ad

Pago pelo governo federal, o Auxílio Emergencial é destinado para os mais afetados economicamente pela pandemia da Covid-19. No entanto, em Américo Brasiliense, a servidora pública, Mirian Dayse Pano, se cadastrou e recebeu o benefício na quantia de R$ 1.200, conforme o Portal da Transparência da Controladoria-Geral da União. A mulher é filha do prefeito da cidade, Dirceu Pano (PSDB).

Na Prefeitura de Américo Brasiliense, Mirian Dayse Pano é servidora pública concursada e tem o cargo de auxiliar de administração, no setor de Administração Jurídica. Ela recebeu o benefício destinado para mãe chefe de família e confirmou ter se cadastrado no Auxílio Emergencial por ter dois filhos, porém, afirmou não ter consultado o pai sobre a decisão. Além disso, Mirian pediu desculpas e comentou que vai devolver o dinheiro.

Em nota, a Prefeitura de Américo Brasiliense esclareceu que a atitude não teve o conhecimento nem o aval do prefeito Dirceu Brás Pano e salientou que a filha reside em casa e bairro diferentes do pai.

Segue a nota da Prefeitura:

A Prefeitura Municipal de Américo Brasiliense, vem a público esclarecer os fatos que vieram a público na noite de hoje:

Concernente à recente publicação em redes sociais, do recebimento do auxílio emergencial pela filha do Senhor Prefeito Dirceu Brás Pano, a Senhora Mirian D. Pano, sendo esta funcionária concursada do município de Américo Brasiliense, o Prefeito Municipal, vem a público informar o que segue:

• A funcionária em referência reside com sua família em casa e bairro diferentes do Prefeito;

• As atitudes por ela tomadas, EM ESPECIAL ESTA EM EVIDENCIA, não tiveram o conhecimento do Prefeito e muito menos aval;

• O Prefeito, não compactua com erros quer eles sejam de qualquer pessoa, ainda que venham da família, e neste caso, vai incisivamente orientá-la a fazer a devida restituição (ressarcimento) ao Governo Federal, ato no mínimo necessário e justo com os cofres públicos da União;

• A ATITUDE NÃO TEM RELAÇÃO COM A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA MUNICIPAL E SEUS ATOS, sendo ação isolada e particular da pessoa que a fez, devendo arcar com suas consequências e responder por isso;

• O Prefeito Dirceu Brás Pano, coloca também que, sua responsabilidade é continuar trabalhando pela cidade e seu povo, procurando construir uma vida melhor e mais digna a toda a população ameiriliense, ainda que aconteçam situações tristes como este episódio.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *