02/10/2020 às 17h42min - Atualizada em 02/10/2020 às 17h42min

Quase 500 vagas de empregos são extintas em Araraquara

Araraquara voltou a ter um fechamento de vagas formais de trabalho, após os novos dados do Caged apontarem que quase 500 postos de serviço foram extintos. No total, foram 481 desligamentos, originados das 2.549 demissões em agosto contra 2.068 contratações. O resultado é o pior desde maio, quando 881 vagas foram fechadas na cidade. 

De acordo com o levantamento do Núcleo de Economia do Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara (Sincomercio), os segmentos que encerraram o mês com resultados positivos foram o comércio, com a criação de 124 postos, decorrentes de 524 admissões e 400 desligamentos, a indústria, com 393 admissões, 304 desligamentos e saldo de 89 novas vagas, e a agropecuária, com discreta movimentação de 10 admissões e um desligamento, ficando com saldo positivo de nove postos. 

Admissões, desligamentos e saldo de movimentação do emprego formal – Agosto de 2020


Fonte: Novo Caged Elaboração: Sincomercio Araraquara

Já os setores que surpreenderam negativamente durante o mês foram a construção civil, com o encerramento de 18 vagas, decorrente de 228 admissões e 246 desligamentos, e o de serviços, que admitiu 913 pessoas e desligou 1.598, encerrando agosto com saldo negativo de -685 empregos. Atividades de administração pública, educação e serviços sociais, conjuntamente com serviços de informação e comunicação, atividades financeiras, transporte, armazenagem e correio completam os números com saldo conjunto de -742 postos de trabalho.

Marcelo Cossalter, pesquisador do Sincomercio, avalia que o setor de construção civil passou por uma forte onda de desligamentos durante os três primeiros meses da pandemia, apresentando discreta melhora nos meses de junho e julho, quando houve saldo positivo de contratações. “Os dados de agosto, no entanto, corroboram para um efeito sazonal no segmento, o que impacta o mercado de trabalho, e, por consequência, o número de vagas, como pode ser observado nos subsetores de obras de infraestrutura para energia elétrica, telecomunicações, água e esgoto e nos serviços especializados para construção.”

O movimento do município contrasta com os resultados positivos do Estado de São Paulo, assim como das demais unidades federativas e do Brasil, mas a expectativa para os próximos meses é de geração de novos empregos para o setor da construção, com a chegada de novos empreendimentos à cidade. “Essa divergência entre os cenários municipal, estadual e nacional decorre das especificidades de cada localidade, com foco nas atividades econômicas, muitas vezes distintas, e nos diferentes níveis de poder de compra em cada região”, analisa Marcelo.

No que diz respeito ao estoque de trabalhadores ativos, Araraquara atingiu 94% (70.820) do observado no mesmo período do ano passado (75.330), resultado superior ao registrado nos níveis estadual e nacional. No Estado de São Paulo, agosto chegou a 88% do estoque de trabalhadores registrados no mesmo mês de 2019, enquanto no Brasil, o resultado alcançou 80,4% dos vínculos ativos em agosto de 2019, totalizando 37.960.236 milhões de empregados formais. 

Seguro-desemprego

A atualização dos dados sobre o seguro-desemprego em Araraquara revelou que 829 pedidos do auxílio foram registrados em agosto. O número representa uma queda tanto em relação ao mês anterior quanto na comparação interanual. Em 2020, foram contabilizados 1.051 pedidos no período (-21,1%), enquanto em 2019 totalizaram 880 pedidos (-5,8%).

Após a disparada acentuada entre os meses de março e maio, o total de requerimentos vem apresentando sucessivas quedas mensais e retornando aos mesmos níveis de 2019. Esse movimento pode ser verificado analisando os dados acumulados de 2020, quando 9.120 benefícios foram requisitados, valor 17,1% maior que os 7.788 pedidos registrados no mesmo período do ano passado.

As medidas de isolamento social também foram responsáveis pelo início do processo de informatização das solicitações. Desde março, após a suspensão do atendimento presencial, os requerimentos via web aumentaram significativamente. Em agosto de 2020, 681 (82,1%) das requisições foram feitas online e 148 (17,9%) de forma presencial. No acumulado do ano, as solicitações via web totalizaram 5.639 (61,8%) e as presenciais, 3.481 (38,2%).

Requerimentos de seguro-desemprego em Araraquara - 2020


Fonte: 
pdet.gov. Elaboração: Sincomercio Araraquara


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »