16/10/2021 às 00h43min - Atualizada em 16/10/2021 às 00h43min

Revitalização labial: saiba como não cair em ciladas ao realizar o procedimento estético

Especialista explica quais pontos se deve estar atento ao escolher um profissional capacitado

Foto: Canva/ Ilustração

Procedimentos estéticos faciais têm estado em alta nos últimos anos, seja para combater as rugas, tirar olheiras, marcas de expressão ou qualquer outro incômodo que possa surgir. Recentemente, um tratamento que tem sido adotado por celebridades como Pocah, Viih Tube, Camilla de Lucas e Sasha Meneghel é a revitalização labial, utilizada para evitar o seu envelhecimento, além de preencher rugas.


Segundo a especialista Bela Leirão, a primeira dica para quem deseja uma revitalização dos lábios é realizar esses procedimentos apenas com profissionais Micropigmentadores certificados por academias de micropigmentação autorizadas. “Dessa forma, o cliente evita cair em ciladas que possam gerar graves consequências, como inchaço excessivo, cores manchadas e até mesmo a necrose.”


Outra dica apontada por Bela é fazer uma análise minuciosa das fotos de procedimentos já cicatrizados e que foram realizados pelo especialista em questão. “Lembrando ainda que nenhuma técnica deve ser aplicada antes que haja uma avaliação individualizada, pois é uma maneira de se criar uma relação de confiança e possibilitar que o profissional entenda todos os pontos que incomodam o cliente.”


Em observação a esses fatores, Bela Leirão ressalta que o acompanhamento após a realização do procedimento também é imprescindível para que os resultados sejam ainda melhores, pois caso o cliente não se atente a alguns cuidados e evite determinadas atitudes, o procedimento não terá o efeito desejado.


“Dessa forma, o pós é tão importante quanto a avaliação e a realização da técnica. A orientação dada ao cliente precisa ser um protocolo seguido à risca e geralmente envolve medidas como a não consumação de bebidas que possuam corante em sua composição, por exemplo, pois costumam interferir na cicatrização dos lábios”, alerta a especialista.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »