13/08/2021 às 11h20min - Atualizada em 13/08/2021 às 11h20min

Fungota abre processo para investigar ameaça de funcionária temporária

Prestadora teria ameaçado outra funcionária com uma arma branca

Direto da Redação
Foto: Fungota/ Divulgação

A Diretoria da Fundação Municipal Irene Silveira Alves “Vovó Mocinha”, Maternidade Gota de Leite (Fungota), pretende instaurar um inquérito disciplinar para investigar o caso de uma suspeita de ameaça contra uma funcionária da instituição.

 

Segundo o boletim de ocorrência, anexo no processo protocolado junto à Diretoria Técnica da FunGota, uma empregada temporária da maternidade teria ameaçado uma funcionária com um “objeto perfurocortante - arma branca”. A ação teria ocorrido no mês passado, uma segunda-feira, dia 12 de julho, durante o expediente de trabalho.

 

O prazo para a conclusão do inquérito disciplinar é de 30 dias, podendo ser prorrogado por mais 30 dias. A portaria foi publicada nos atos oficiais da Prefeitura, desta quinta-feira (12) e está disponível no Portal da Transparência. O documento é assinado pela diretora executiva da maternidade, Lúcia Ortiz Lima.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »