Araraquara Agora Publicidade 728x90
31/01/2022 às 11h40min - Atualizada em 31/01/2022 às 11h40min

Após estragos e morte, veja como amanheceu a cidade de Jaú

Um morador morreu na tarde deste domingo (30), chuvas fortes inundou casas e deixou desabrigados

Direto da Redação
JaúMais
Foto: JauMais

A cidade de Jaú enfrentou umas das maiores enchentes registradas em mais de 50 anos. Segundo a Defesa Civil, neste domingo (30), o volume de chuva foi de 152 milímetros. Cerca de 500 residências foram afetadas. Uma morte foi registrada. O morador, de 61 anos, morreu afogado. Ele não conseguiu sair de casa no momento das fortes chuvas.

 

As imagens impressionam. Casas, igrejas e comércios inundados, crateras foram abertas, rios e córregos transbordando e a enchente era vista em diversos pontos da cidade. Os moradores viveram momentos de terror.

 

O Portal Jau Mais acompanhou o primeiro dia após o desespero que a população passou. Nas imagens é possível ver a destruição. Ainda não se sabe os prejuízos causados.

 

No registro de Paulo César Grange/ JauMais são vistas ruas cobertas de lama e congestionamento em diversas vias. Ruas ainda permanecem interditadas ou parcialmente, para realização da limpeza.

 

A cidade decretou estado de emergência e deve receber do Governo do Estado R$ 1 milhão para o inicio da recuperação do município.

 

Mortos em todo o estado

 

A Defesa Civil do Estado de São Paulo confirmou, na manhã desta segunda-feira (31), 21 óbitos em razão das chuvas que atingiram diversas regiões do estado desde a última sexta-feira (28).

 

Os transtornos provocados pelo mau tempo também deixaram cerca de 660 famílias desabrigadas ou desalojadas.

 

Entre as vítimas há um total de oito crianças. Além disso, há seis feridos e 11 desaparecidos. Ainda de acordo com a Defesa Civil, há ocorrências espalhadas por todo Estado relacionadas às chuvas, como alagamentos, queda de árvores, quedas de muros e deslizamentos de terra; além de interdições totais ou parciais em rodovias.

 

  • ITAPEVI – 1 óbito
  • ARUJÁ – 1 óbito
  • FRANCISCO MORATO – 4 óbitos
  • EMBU DAS ARTES – 3 óbitos
  • FRANCO DA ROCHA – 5 óbitos
  • VÁRZEA PAULISTA – 5 óbitos
  • JAÚ – 1 óbito
  • RIBEIRÃO PRETO – 1 óbito

 

Neste domingo (30), o Governador João Doria anunciou a liberação imediata de R$ 15 milhões para um total de 10 cidades para auxiliar as prefeituras na recuperação urbana e social.
 

Os recursos anunciados serão destinados aos municípios de Arujá (R$ 1 milhão), Francisco Morato (R$ 2 milhões), Embu das Artes (R$ 1 milhão) e Franco da Rocha (R$ 5 milhões), na Região Metropolitana de São Paulo, e Várzea Paulista (R$ 1 milhão), Campo Limpo Paulista (R$ 1 milhão), Jaú (R$ 1 milhão), Capivari (R$ 1 milhão), Monte Mor (R$ 1 milhão) e Rafard (R$ 1 milhão), no interior do estado.

 

Os repasses poderão ser utilizados para reparar problemas urbanos crônicos dos municípios, que causam transtornos como pontos de alagamento e deslizamentos de terra.


Além da liberação dos recursos, o Governador determinou a criação de uma força-tarefa envolvendo Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Defesa Civil para apoiar todas as prefeituras das cidades que sofreram com as chuvas.


Veja as fotos cedidas pelo Portal JauMais: 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araraquara Agora Publicidade 1200x90