08/06/2020 às 13h55min - Atualizada em 08/06/2020 às 12h39min

Primeira fase da Unicamp terá mudanças no Vestibular 2021

Por Rian Fernandes

Diante da pandemia do coronavírus, a Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) anunciou as mudanças da primeira fase do Vestibular Unicamp 2021. As mudanças foram aprovadas pela Câmara Deliberativa do Vestibular, na quarta-feira (4), que prevê a diminuição das questões e mais alterações.

Como divulgado, as questões da prova serão reduzidas de 90 para 72 perguntas objetivas e o tempo máximo de realização passará de cinco para quatro horas. Com isso, a primeira fase será constituída de uma única prova de Conhecimento Gerais, sendo 12 questões de Língua Portuguesa e Literatura; 12 questões de Matemática; e oito questões de cada disciplina: Biologia, Física, Geografia/Sociologia, História/Filosofia, Inglês e Química.

Além disso, sendo a primeira será feita em dois dias diferentes, conforme a área do curso escolhido pelos candidatos. O objetivo é reduzir o número de estudantes circulando e evitar aglomeração nas escolas. As mudanças foram aprovadas pela Câmara Deliberativa do Vestibular.

Os candidatos aos cursos de Ciências Humanas, Artes, Exatas e Tecnológicas farão a prova em um sábado. Já os candidatos das áreas de Ciências Biológicas e Saúde farão a prova no dia seguinte, ou seja, um domingo. 

Segundo a Comvest, a primeira fase deve ser aplicada em dois dias do mês de janeiro de 2021 e as provas da segunda fase, em dois dias no mês de fevereiro. A definição dos dias depende da divulgação, pelo Inep, das datas do Enem e também de uma reunião entre as universidades públicas paulistas, para que não haja coincidência de datas.

As inscrições serão realizadas entre o dia 31 de julho e 8 de setembro, por meio da página da Comvest na internet. No entanto, a data da primeira fase ainda não foi definida. 

Os candidatos que tiverem atividades aos sábados restringidas por convicção religiosa, que informação a condição durante a inscrição, poderão ter horário específico para fazerem as provas. A questão será detalhada no edital. 

“Prevemos conteúdos mais acessíveis e mais articulados às competências e habilidades que esperamos dos estudantes e um domínio pertinente dos temas gerais do ensino médio. Sempre uma prova atenta à realidade do mundo e que tenha o olhar para os conhecimentos produzidos nos diversos campos do saber, nas ciências, nas letras e nas artes”, destacou o diretor da Comvest, José Alves de Freitas Neto.

Isenção do pagamento de inscrição

A Comvest receberá, a partir do dia 22 de junho, os pedidos de isenção do pagamento de inscrição para o Vestibular Unicamp 2021. O valor deste ano é de R$ 170 e as solicitações deverão ser realizadas até o dia 8 de julho. Serão 6.680 isenção oferecidas para estudantes carentes de escola pública e uma quantidade ilimitada de isenções nas outras modalidades.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »