24/06/2020 às 15h00min - Atualizada em 24/06/2020 às 14h01min

Internação preventiva em Araraquara baixa para 45 anos em casos de coronavírus

Já há algum tempo a Prefeitura de Araraquara tem creditado a baixa letalidade da doença na cidade ao trabalho de internação preventivo feito em pacientes com suspeita ou com diagnóstico confirmado de coronavírus, antes de um sinal de agravamento de seu estado de saúde. Até agora Araraquara tem 10 óbitos confirmados  e 789 casos da doença. Agora, segundo divulgado nesta quarta-feira (24), a ideia é reduzir ainda mais os riscos com a redução da faixa etária limite para uma internação preventiva. A internação passa a ser recomendada para pacientes com idade a partir de 45 anos e para todas as pessoas portadoras de comorbidades, independentemente da idade.

"Considerando que estamos diante de uma doença nova, que exige alerta constante às suas variações, e com base nos estudos que são realizados diariamente sobre o avanço dos casos na cidade e o perfil das vítimas fatais, o Comitê considera importante a redução da idade da busca ativa para internação de pacientes suspeitos e diagnosticados com Covid-19", diz trecho do comunicado.

A internação preventiva garante que os pacientes sejam atendidos prontamente e tenham acompanhamento sistemático, evitando assim complicações da doença e mortalidade. Os protocolos mudaram, mas a orientação ainda é que as pessoas procurem a UPA da Vila Xavier ou o posto de saúde próximo de sua residência logo que surgir o primeiro sintoma gripal.

Situação Epidemiológica

 Araraquara registrou mais 26 casos confirmados de Coronavírus nesta quarta-feira, dia 24 de junho. Portanto, o município possui hoje 789 casos notificados da doença. Aguardam resultado de exames 120 amostras. Do total de confirmados, 146 permanecem em quarentena e 633 já saíram.

Hoje, 28 pacientes estão internados. Destes, 17 estão em enfermaria – 5 suspeitos e 12 casos confirmados. E 11 pacientes confirmados estão em UTI.  Do total de 28 internados, 23 são moradores de Araraquara e 5 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade.

Foram notificados, até o momento, 10 óbitos decorrentes de Coronavírus e um caso suspeito. Trata-se de um homem com 67 anos, com comorbidades, que faleceu na última segunda-feira. O caso espera resultado de exame.

Destacamos que os casos suspeitos e confirmados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pela Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena. Todos os dados e estatísticas sobre os bairros com casos confirmados podem ser consultados em link disponibilizado pela Prefeitura, em parceria com o grupo Urbie, Grupo de Inovação e Extensão em Engenharia Urbana.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »