Araraquara Agora Publicidade 728x90
10/04/2023 às 10h50min - Atualizada em 10/04/2023 às 10h50min

‘Pessoas serão identificadas e penalizadas’, diz Edinho Silva sobre rumores de ataques às escolas de Araraquara

Não só o criminoso que inventou a mentira, mas quem divulgou será penalizado, ressaltou o prefeito

Direto da Redação
Ilustração/ Pedro França/ Agência Senado

Leia Também:
Semana começa com cerca de 40 vagas no PAT de Araraquara; veja lista.
Jovem é preso por tráfico de drogas; crack e cocaína foram apreendidos.



Nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (10), o Prefeito Edinho Silva (PT) esteve presente na Escola Municipal de Ensino Fundamental, EMEF Gilda Rocha de Mello, no Jardim Indaiá. O motivo foram os rumores, por meio de compartilhamento de mensagens via redes sociais, de ataques violentos às escolas de Araraquara.

 

O compartilhamento das mensagens foi realizado durante todo o fim de semana e resultou em pais preocupados, muitos deles decidindo não levar os filhos para as escolas por medo.

 

Edinho estava acompanhado da secretária da Educação, Clélia Mara dos Santos e do coronel João Alberto, responsável pela pasta de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública.

 

Pior do que uma mentira criada em redes sociais. Uma mentira divulgada em redes sociais desorganiza todo o sistema de educação”, comentou o prefeito no Facebook.

 

O objetivo da Fake News, segundo Edinho, foi tumultuar a cidade. “Os principais penalizados são as nossas crianças e adolescentes, não só do Gilda (escola), porque essa mentira teve impacto também em outras unidades de educação”.

 

A Prefeitura não vai conviver com mentira. Não vai conviver com pessoas criminosas que divulgam mentiras por meio de redes sociais”.

 

O prefeito garantiu a penalidade aos envolvidos. “As autoridades policiais estão trabalhando e uma pessoa já foi identificada. Outras também serão identificadas, não só porque participaram da formulação, mas divulgaram está mentira”.

 

Hoje a lei é muito clara. Não é só criminoso quem inventa mentira, mas é criminoso quem divulga mentira”.

 

Edinho ainda assumiu o compromisso de “cuidar para que todos os processos sejam encaminhados e que todos sejam punidos”.

 

 

Não é possível que nós estejamos penalizando crianças que têm que estar dentro das escolas. Esse ato que Araraquara viveu neste final de semana não ficará impune”, ressaltou.

 

 

População pode ficar calma

 

 

O Prefeito ainda informou que não há histórico deste tipo de violência nas escolas de Araraquara. “Nós temos um ambiente pacífico. Uma cidade pacífica. Mesmo assim, todas as nossas autoridades escolares sempre estão atentas, acompanhando as mudanças de comportamento nas escolas. Todas as nossas unidades de educação tem sistema de monitoramento”, disse.


 

É necessário que nós, neste momento, passemos tranquilidade para os pais, para a comunidade escolar e para cidade”.

 

 

Fake é Terrorismo

 

Neste domingo (09), Edinho Silva comunicou que faria uma visita a EMEF reforçando que as mentiras foram um “terrorismo” conta a educação.

 

Fazer terrorismo contra a educação é um ataque toda a sociedade.Toda ameaça à integridade física e emocional dos nossos estudantes e profissionais da educação é uma ameaça a toda sociedade”, compartilhou

 

O prefeito informou que a Secretaria de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública, em conjunto com as Polícias Civil e Militar, “está atenta e monitorando a situação da segurança nas escolas municipais”

 

É dia de aula, de desenvolvimento e aprendizado na escola”, finalizou.
 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araraquara Agora Publicidade 1200x90