Araraquara Agora Publicidade 1200x90
Araraquara Agora Publicidade 728x90
17/06/2021 às 10h29min - Atualizada em 17/06/2021 às 10h29min

Empresários e comerciantes preparam manifestação contra lockdown em Araraquara

A ação ocorre hoje (17) em frente à Prefeitura

Direto da Redação
Divulgação Redes Sociais
ENTRE EM NOSSO GRUPO DO WHATSAPP (CLIQUE AQUI)

Empresários, comerciantes e apoiadores vão realizar hoje, às 15h, em frente à Prefeitura Municipal, uma manifestação contra o lockdown em Araraquara, previsto em decreto.

Segundo o empresário, Nelson Gritti, já houve protestos pacíficos em outras ocasiões, mas “sempre volta na mesma situação”, diz.

O protesto de hoje (17) busca chamar a atenção sobre os problemas de superlotação dos ônibus coletivos, a falta de fiscalização em festas clandestinas e falta de tratamento adequado logo no início dos sintomas da Covid-19.

Segundo os organizadores, é necessário que o poder público resolva essas questões antes de decretar lockdown, que prejudica diretamente os empresários da cidade.

Corrida aos postos de combustíveis deve ser maior em Araraquara com novo lockdown

Lockdown não será de última hora

“O problema não está no comércio, nem a atitude dos empresários, está na postura do Prefeito e da Secretária da saúde que insistem em não olharem para as ações que de fato devem existir. Tratamento adequado logo no início dos sintomas, ônibus e terminal lotados, festas nos bairros periféricos sem a devida fiscalização efetiva, tudo contribui para o aumento de casos na pandemia. A pandemia só terminará quando houver vontade política. Do contrário, a população continuará sofrendo com desemprego, fome e mortes por Covid”, disse Nelson Gritti, em suas redes sociais.

Lockdown

Araraquara registrou hoje (17) 23,58%, índice que estabelece, por decreto, o fechamento das atividades econômicas e sociais.

A secretária da Saúde, Eliana Honain, disse ao Araraquara Agora que o Comitê vai deliberar as ações necessárias e as regras para o lockdown.

“Teremos que decretar lockdown, mas não vamos deixar a população desabastecida, principalmente com relação aos supermercados e postos de combustíveis”.

Honain ainda disse que as regras vão ser definidas e divulgadas com antecedência para que a população tenha tempo de se adaptar ao novo cenário.

O decreto entrará em vigor, possivelmente neste domingo (20), mas deverá ser divulgado nas próximas horas.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araraquara Agora Publicidade 1200x90