28/06/2021 às 13h52min - Atualizada em 28/06/2021 às 13h52min

Vereadora denuncia lotação do transporte público na volta do lockdown em Araraquara

Decreto prevê que circulares não poderão rodar com mais de 60% da capacidade

Foto: Passageiros amontoados em transporte público - Divulgação: Vereadora Luna Meyer/Facebook
"Não tem como defender", assim destacou a vereadora Luna Meyer (PDT) ao falar sobre a lotação do transporte público em Araraquara na volta do lockdown. A parlamentar fez uma publicação nas redes sociais com uma foto do ônibus lotado. 

De acordo com a vereadora, foram tirados mais 2 carros da mesma linha, que, segundo ela, já é lotada. "Não tem como defender. É assim que voltamos do lockdown. Lotando o transporte público no Adalberto Roxo/Valle Verde. E pra completar tiraram 2 carros da mesma linha, que já é lotada", escreveu ela. 

Luna Meyer ainda questionou a gestão municipal. "É assim que vamos evitar um novo lockdown Prefeitura de Araraquara? Quantas indicações eu tenho que fazer pra melhorarem essa questão?". 

Transporte público e o decreto

Nesta segunda-feira (28), os ônibus começaram a circular a partir das 5h, mas ainda com horário reduzido e fim das corridas às 20h.
 
Segundo a Prefeitura os circulares não poderão rodar com mais de 60% de sua capacidade, mas não informou como fará para que essa determinação seja cumprida. Não foram anunciadas novas linhas ou horários. Assim, ou haverá superlotação ou pessoas serão deixadas nos pontos, caso os motoristas se empenhem em cumprir a determinação estabelecida em decreto.

Os ônibus são considerados por muitos moradores como os principais responsáveis pelo aumento da taxa de transmissão do coronavírus juntamente com as festas clandestinas e as aglomerações, principalmente nas regiões mais afastadas do Centro da cidade.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »