Araraquara Agora Publicidade 1200x90
Araraquara Agora Publicidade 728x90
03/09/2021 às 15h37min - Atualizada em 03/09/2021 às 15h37min

Moradores fazem vaquinha para idosa não ser despejada com a família em Araraquara

Dona Elizabete cuida da filha, que tem restrições físicas e da mãe de 89 anos e pode perder a própria casa

Uma verdadeira corrida contra o tempo está sendo organizada para ajudar Elizabete (Bete), que é do Jardim Paraíso, em Araraquara. Após mais de 20 anos, a moradora corre o risco de ser despejada de um imóvel popular da CDHU que está financiado. Mulher batalhadora e viúva, Dona Elizabete cuida de sua filha, que tem restrições físicas, e da mãe, de 89 anos. Ela precisa urgentemente de ajuda. 

Uma vaquinha on-line está sendo organizada para ajudar Dona Elizabete, que há cerca de 25 anos adquiriu de forma financiada um imóvel junto com o marido. O sonho era de ter uma casa própria e viver junto com a família. No entanto, durante o período, a filha de Elizabete precisou passar por demorados tratamentos médicos e o marido acabou falecendo. Com toda a situação vivida, algumas parcelas não foram pagas. 

Depois que a família se estabilizou, os pagamentos até voltaram ao normal, mas a ausência daquelas parcelas não pagas gerou uma ação da CDHU na justiça para despejo de Dona Elizabete e família. Ação já foi julgada procedente em primeira e segunda instância e está sendo apenas protelada. É um curto tempo que a moradora de Araraquara tem para não ser despejada. Ela tem até o final do mês de setembro. 

A CDHU oferece um acordo para pagamento à vista e ela precisa de aproximadamente R$ 3 mil para acertar a situação. Porém, existe muita dificuldade para conseguir o valor e ela não tem para onde ir. Ou seja, depois 25 anos pode ser despejada de sua casa, mesmo com toda a dificuldade causada pela pandemia. 

Como ajudar

Qualquer valor pode ajudar Dona Elizabete. As pessoas podem ajudar pela vaquinha on-line https://abacashi.com/p/ajudedonabete​. Basta se cadastrar no site e fazer a doação. É bem simples!

Caso não possa ajudar com algum valor em dinheiro, é importante que você compartilhe a história de Dona Elizabete. Quanto mais pessoas ficarem sabendo, maior a chance da meta ser alcançada.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araraquara Agora Publicidade 1200x90