16/09/2020 às 21h10min - Atualizada em 16/09/2020 às 21h29min

Veja quais são as melhores escolas públicas de Boa Esperança do Sul

Por Rian Fernandes

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2019 foi divulgado na última terça-feira (15), apresentando assim o desempenho da educação em todo o Brasil. Em Boa Esperança do Sul os dados mostraram que o ensino público da cidade continua abaixo das metas, com exceção do ensino médio. A avaliação é calculada a partir da taxa de rendimento escolar (aprovação) e as médias de desempenho nos exames aplicados pelo Inep.

Para 4ª série/ 5º ano a meta era de 6,1 e o índice atingido foi de 5,4. Em 2017, o resultado obtido foi de 5,7. 

Já os anos finais do ensino fundamental, 8ª série/ 9º ano, a projeção era de 5,5, porém o índice atingido foi de 4,4. Na edição anterior do Ideb o resultado foi de 4,2. 

O ensino médio em Boa Esperança do Sul atingiu a meta de 3,6, com uma média de 3,7. Em 2017, o índice foi de 3,3.  

Escolas da cidade

Entre o ensino fundamental de Boa Esperança do Sul, nos anos iniciais, Anna Maria Mazzali se destaca, com um índice de 6,0. Já nos anos finais do fundamental, Ana da Cunha Viana e Mario Luiz Beraldo Costa empataram com uma média de 4,6. Vale ressaltar que o município possui quatro escolas municipais. Além das já mencionadas no trecho acima, a cidade também conta com a escola Antônio Jarbas Beraldo. 

Veja quais são as melhores escolas de Boa Esperança do Sul, segundo o Ideb de 2019

Fundamental - Anos iniciais (4ª série/ 5º ano)

1 - Anna Maria Mazzali (média 6,0)

2- Mario Luiz Beraldo Costa (5,8)

3 - Ana da Cunha Viana (média 5,7)

4 - Antônio Jarbas Beraldo (média 4,2)

Fundamental - Anos finais (8ª série/ 9º ano)

1 - Ana da Cunha Viana (média 4,6)

1 - Mario Luiz Beraldo Costa (média 4,6)

3 - Antônio Jarbas Beraldo (média 3,9)

4 - Anna Maria Mazzali (não teve o Ideb calculado)

Trabiju

Em comparação com Boa Esperança do Sul, Trabiju tem um ensino público melhor no fundamental, mas fica atrás no ensino médio. 

Para 4ª série/ 5º ano a meta era de 5,5 e o índice atingido foi de 6,4. Em 2017, o resultado obtido foi de 6,6. 

Já o ano finai do ensino fundamental, 8ª série/ 9º ano, obteve a média de 5,8, que era a meta estipulada. Na edição anterior do Ideb o resultado foi de 4,7. 

O ensino médio em Trabiju também ficou na meta, que era de 3,5. Em 2017, o índice foi de 3,3.  

Vale lembrar que, diferentemente de Boa Esperança do Sul, Trabiju possui apenas uma escola, chamada Alfredo Evangelista Nogueira. Lá é realizado o ensino fundamental e o estadual (médio). 

Entre em nosso grupo do WhatsApp: https://bit.ly/3eUyDlr

 

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Zap
Atendimento
Oi, eu sou Willian Oliveira. Precisa de ajuda? Aqui você pode sugerir pauta, falar com nosso departamento comercial, estamos a sua disposição