27/04/2021 às 19h42min - Atualizada em 27/04/2021 às 19h42min

Organizadores de festa em Araraquara são identificados e responderão criminalmente

Prefeitura identificou os responsáveis e encaminhou as informações para o Ministério Público e Polícia Civil

Imagem ilustrativa

Foram identificados os responsáveis por uma festa clandestina feita no último final de semana, no Residencial Monte Carlo, no São Rafael. O comunicado foi feito pela Prefeitura de Araraquara, que encaminhou as informações para o Ministério Público e Polícia Civil. 
 

"Esse tipo de festa, que gerou aglomeração de pessoas, está proibido pelo decreto estadual e pelo decreto municipal de enfrentamento da pandemia. Uma pessoa física (a organizadora) e dois veículos foram identificados. Com as placas dos veículos, a polícia poderá chegar aos proprietários para seguir com a investigação", disse a Prefeitura. 

De acordo com o secretário de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública, coronel João Alberto Nogueira Júnior, a identificação dos responsáveis foi feita por meio de imagens que circularam pelas redes sociais, além de uma página própria da organização da festa. Os identificados responderão por crime contra a saúde pública. O artigo 268 do Código Penal prevê pena de detenção de 1 mês a 1 ano, além de multa 
a quem “infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa”.

 

"No caso do evento da madrugada do último domingo (25), quando a secretaria tomou conhecimento do fato, a situação já estava instaurada. Por isso, houve solicitação da ação integrada com a Polícia Militar, que detém a missão constitucional de preservação da ordem pública. A PM foi recebida a pedradas, mas conseguiu fazer a dispersão da aglomeração. Agora, aquela região entra no monitoramento da Prefeitura para que aglomerações semelhantes sejam impedidas preventivamente", esclareceu a Prefeitura. 

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »