24/06/2021 às 17h07min - Atualizada em 24/06/2021 às 17h07min

Incendiários de Araraquara são multados em R$ 220 mil e terão que replantar quase mil mudas

Crime ambiental foi flagrado por câmera de monitoramento

Os incendiários de uma mata de Araraquara foram responsabilizados pela prática criminosa em setembro de 2020. Após uma ação do Ministério Público do Estado de São Paulo, por meio da Promotoria de Justiça do Meio Ambiente e Urbanismo de Araraquara, foi determinado o pagamento de multa no valor de R$ 220 mil e o replantio de 987 mudas pela área. 

Os autores chegaram a ser identificados pelo setor de inteligência da Guarda Civil Municipal, com a contribuição de uma câmera de monitoramento do condomínio ao lado. Nas imagens (veja abaixo), é possível ver que jovens param um veículo e jogam um objeto no lugar. Em seguida, eles fogem. 

"O caso aconteceu em setembro de 2020 e devastou uma extensa área de mata ciliar às margens do Córrego das Cruzes. O incêndio durou cerca de quatro dias e seus autores foram identificados pelo setor de inteligência da Guarda Municipal a partir das câmeras de segurança de um condomínio residencial próximo e com a ajuda das imagens obtidas por meio do programa Câmera Cidadã", informou a prefeitura de Araraquara. 

De acordo com o secretário municipal de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública, coronel João Alberto Nogueira Júnior, as câmeras do condomínio serviram como ponto de partida para a Guarda, pois ainda não era possível identificar a placa, a marca e o modelo do veículo. "Foi através da observação e análise de câmeras cidadãs no trajeto percorrido pelo veículo que se tornou possível identificar suas características, que foram então passadas para a Polícia Civil, que chegou à autoria do delito", explicou.


Veja o vídeo da ação dos incendiários na época 



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »