22/10/2021 às 14h37min - Atualizada em 22/10/2021 às 14h37min

Amigos se mobilizam para ajudar professor que deu aulas em Araraquara

Adalberto Cunha deu aulas na Uniara e uma vaquinha foi criada para ajudá-lo

Redes Sociais
Uma vaquinha virtual foi organizada para ajudar o professor de Araraquara Adalberto Cunha. Segundo uma publicação feita pelas redes sociais, ele está internado em uma clínica para tratar de uma depressão. A postagem explicou e deu detalhes da situação do profissional da educação. É possível contribuir clicando aqui

"É com grande tristeza que estamos aqui para comunicar a atual situação do nosso professor, que se encontra internado em uma clínica para o tratamento da depressão profunda que o mesmo se encontra desde o ano passado", esclarece a postagem logo no início. De acordo com a publicação, amigos já notavam a grande preocupação do professor em relação ao financeiro.

"[...] como familiares que não residem em Araraquara, só sabíamos o que o mesmo nos informava. Em 2019, em uma visita, notamos a dificuldade física e como já se apresentava confuso com algumas coisas. Infelizmente gostaríamos de ter notado mais cedo, porém não tínhamos o mesmo contato cotidiano que alguns de seus amigos e vizinhos. Após algumas reclamações, fomos atrás e percebemos que o estado do professor era de grande preocupação. Assim, Adalberto Cunha se encontra internado desde a semana passada, num caso de urgência, aonde seu quadro de depressão é grave".

Conforme explicado, o professor está há meses sem renda e não há como arcar com despesas grandes, como a mensalidade da clínina, que o atendeu no momento da urgência, e o acompanhamento psiquiátrico.

Por conta das despesas e a situação do professor, querido por várias pessoas, uma vaquinha virtual foi criada para ajudá-lo na recuperação. "Hoje ele se encontra internado na cidade de Rio Claro, onde nasceu, gastando por volta de R$ 4.000,00 (sendo a somatória da clínica e acompanhamento médico - psiquiátrico, fisio, dermatológico e oftálmico- por mês)", esclareceu a publicação.

Para ajudar por meio da vaquinha virtual criada basta clicar no link
(clique aqui)
 e fazer uma doação. 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »