Araraquara Agora Publicidade 728x90
07/03/2022 às 10h26min - Atualizada em 07/03/2022 às 10h26min

Segredos da longevidade: entenda como hábitos saudáveis auxiliam no envelhecimento saudável

Encarar o processo de envelhecimento como algo natural e de forma saudável também nos faz ganhar mais anos com qualidade, afirma especialista

Canva/ Ilustração

A busca por uma vida mais longa é algo almejado por muitas pessoas, logo, priorizar um envelhecimento com mais qualidade de vida deve ser uma tarefa a ser trabalhada desde muito jovem. De acordo com a geriatra especialista em cuidados paliativos Maria Carolyna Fonseca Arbex, existem alguns hábitos do dia a dia que podem ajudar na busca pela longevidade.


 

Possuir uma rotina de atividades físicas, com no mínimo 150 minutos de exercícios por semana, ter uma alimentação saudável, que dê preferência por carnes brancas, vegetais, frutas e uma boa ingestão hídrica, além de evitar o consumo exagerado de bebidas alcoólicas e não fumar, são algumas das formas mais eficientes de caminhar para um envelhecimento ativo e longevo”, explica.


 

Um estudo, recentemente publicado na revista PLOS Medicine, estima que adotar uma dieta saudável pode aumentar a expectativa de vida em cerca de 10 anos. Embora os autores da pesquisa mostrem que os ganhos são maiores para quem iniciar a mudança na alimentação ainda enquanto jovem, também é vantajoso para quem adere até mesmo nos 80 anos de idade, causando um potencial acréscimo de quase 3 anos e meio de vida para ambos os sexos.

 


Outra dica importante fornecida pela especialista é de que as pessoas devem possuir um papel importante na comunidade em que vivem.

 

 

Possuir um bom relacionamento, seja com amigos ou familiares e participar de grupos de esporte, religiosos, de leitura, pintura ou qualquer outra atividade que proporcione lazer e interação são fatores vitais para alcançar mais longevidade”, comenta Maria Carolyna.

 


Questões de prevenção também fazem parte do envelhecimento, portanto, tanto homens quanto mulheres devem manter suas consultas médicas em dia a fim de entender como anda o funcionamento do corpo. Lembrando que cuidar da saúde mental e seguir o calendário de vacinas também são formas de proteção contra condições e doenças que podem afetar a boa saúde, especialmente dos idosos.

 


Dessa forma, Maria Carolyna ressalta que o ambiente é responsável por aproximadamente 80% da forma como envelhecemos, com a genética tendo um papel menor. Logo, a maneira como os anos passam depende quase inteiramente do nosso comportamento.

 

 

“Encarar o processo de envelhecimento como algo natural e de forma saudável também nos faz ganhar mais anos com qualidade. Os japoneses, donos das maiores expectativas de vida, adotam uma filosofia chamada ikigai, enaltecendo a importância de se ter ‘uma razão para viver’, pois ter um objetivo torna tudo um pouco mais tranquilo, diz a especialista.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araraquara Agora Publicidade 1200x90