c.id = "CleverCoreLoader47680"; c.src = "//scripts.cleverwebserver.com/02461c5130daee73a8c73a51060e2adc.js"; c.async = !0; c.type = "text/javascript"; c.setAttribute("data-target", window.name); c.setAttribute("data-callback", "put-your-callback-macro-here"); try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);
23/05/2024 às 11h02min - Atualizada em 23/05/2024 às 11h02min

Unesp recruta mulheres com dores de cabeça ou no rosto para participar de pesquisa em Araraquara; saiba como

Ação é realizada pelo grupo de pesquisa em Disfunção Temporomandibular (DTM) e Dor Orofacial da Faculdade de Odontologia de Araraquara - FOAr/UNESP

Direto da Redação
Divulgação


 

LEIA TAMBÉM:

Cursos de idiomas: alunos da rede estadual podem se matricular para o 2º semestre; veja os cursos em Araraquara.
Atenção: Vigilância alerta para novo golpe de falsos agentes em Araraquara; entenda.





O grupo de pesquisa em Disfunção Temporomandibular (DTM) e Dor Orofacial da Faculdade de Odontologia de Araraquara - FOAr/UNESP recruta mulheres entre 18 e 50 anos para participar de uma pesquisa sobre dores no rosto e enxaqueca.

 

 

Entenda o que é

 

 

A Disfunção Temporomandibular (DTM) e a enxaqueca são condições que afetam muitas mulheres. A DTM é uma desordem que causa dor nos músculos e articulações do rosto, podendo dificultar atividades cotidianas como mastigar e falar.

 

Já a enxaqueca é uma forma intensa de dor de cabeça que pode ser acompanhada de náuseas, sensibilidade à luz e ao som, impactando significativamente a qualidade de vida. Ambas as condições são bastante desconfortáveis e, muitas vezes, subdiagnosticadas.

 

 

As pacientes deverão comparecer na Faculdade de Odontologia de Araraquara para consulta inicial, onde serão preenchidos alguns questionários e coletada a saliva.

 

 

 

Ao participar da pesquisa, todas as participantes terão tratamento para DTM garantido na própria universidade ou, nos casos de enxaqueca, serão encaminhadas para outro serviço público para tratamento especializado com o neurologista. As consultas são marcadas apenas através do WhatsApp.

 

 

Como participar?

 

 

As pacientes devem entrar em contato via WhatsApp 16 99768 6455 para triagem e agendamento da consulta. Após o atendimento inicial, que inclui preenchimento de questionários e coleta de saliva, as participantes receberão tratamento na própria faculdade e, nos casos de enxaqueca, serão encaminhadas para um serviço especializado. Todos os atendimentos são gratuitos.


 

A Faculdade de Odontologia de Araraquara (UNESP) é reconhecida por sua excelência em ensino e pesquisa na área de saúde. Participar desta pesquisa não só contribuirá para o avanço científico, mas também proporcionará acesso a tratamentos especializados, melhorando a qualidade de vida das participantes.
 

 

 

Anotou?

 

Recrutamento de Mulheres/ Grupo de pesquisa em DTM e Dor Orofacial da Faculdade de Odontologia de Araraquara – FOAr/UNESP.

  • Quem pode? Mulheres entre 18 e 50 anos;
  • Com enxaqueca;
  • Ou dores nos músculos e articulações do rosto, dificultando mastigação e fala;
  • Como? WhatsApp (16) 997686455.


 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »