c.id = "CleverCoreLoader47680"; c.src = "//scripts.cleverwebserver.com/02461c5130daee73a8c73a51060e2adc.js"; c.async = !0; c.type = "text/javascript"; c.setAttribute("data-target", window.name); c.setAttribute("data-callback", "put-your-callback-macro-here"); try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);
13/04/2020 às 16h22min - Atualizada em 13/04/2020 às 16h22min

Mulher é detida em praça da Vila Harmonia por descumprir quarentena

A Guarda Civil Municipal de Araraquara deteve na tarde desta segunda-feira (13) uma mulher de 44 acusada de descumprir a quarentena e também por supostamente ter agredido um dos guardas no momento da abordagem. O caso aconteceu na Praça dos advogados, na Vila Harmonia. "A GCM veio me abordar, disse que eu estava descumprindo um decreto e eu disse que nenhum decreto pode tirar meu direito de ir e vir. Aí eles vieram pra cima de mim Eu fui obrigada a morder a GCM porque eu estava enforcando", disse ela em um vídeo que circula nas redes sociais. O comando da Guarda Municipal informou que a abordagem foi feita porque a praça está fechada para a prática de atividades físicas em cumprimento ao decreto de calamidade pública editado pela Prefeitura. A GCM teve ferimentos no braço e passará por exames de corpo de delito. A mulher, que alega ter sido agredida, também fará o exame. Depois de prestar depoimento com seu advogado ela foi liberada. Ela foi autuada por descumprimento de medida sanitária preventiva.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »