c.id = "CleverCoreLoader47680"; c.src = "//scripts.cleverwebserver.com/02461c5130daee73a8c73a51060e2adc.js"; c.async = !0; c.type = "text/javascript"; c.setAttribute("data-target", window.name); c.setAttribute("data-callback", "put-your-callback-macro-here"); try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);
22/04/2020 às 12h53min - Atualizada em 22/04/2020 às 12h56min

O inferno começou! Fogo deixa ar 'irrespirável' em Araraquara

Por Willian OliveiraSe as chuvas diminuem, as queimadas começam. É a combinação perfeita para deixar o ar em Araraquara praticamente irrespirável. Os incêndios em terrenos e matas começaram a se intensificar há cerca de duas semanas. A maioria deles criminoso.No final da manhã desta quarta-feira (22) um incêndio em mata, na região do Jardim Maria Luiza, deu trabalho para o Corpo de Bombeiros.A área, tomada por mato alto e algumas árvores, foi praticamente toda consumida pelas chamas. O vento ajudou a espalhar o fogo e dificultou bastante o trabalho dos bombeiros que usaram vassoras de borracha onde os caminhões não conseguiam chegar."A gente não sabe se torce pra queimar tudo de uma vez, assim a gente sofre um dia só, ou se torce para os bombeiros acabarem logo com isso e livrar a gente desse inferno. Perdi toda a roupa que tinha lavado hoje cedo. Está tudo com cheiro de fumaça", disse o desempregado Antônio Lourival Matheus.A preocupação do Antônio tem fundamento já que é comum uma área queimar mais de uma vez ao longo do período de estiagem.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »