c.id = "CleverCoreLoader47680"; c.src = "//scripts.cleverwebserver.com/02461c5130daee73a8c73a51060e2adc.js"; c.async = !0; c.type = "text/javascript"; c.setAttribute("data-target", window.name); c.setAttribute("data-callback", "put-your-callback-macro-here"); try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);
23/04/2020 às 17h33min - Atualizada em 23/04/2020 às 17h49min

Brasil tem 407 mortes em 24 horas

Em novo balanço, Brasil registra seu recorde do número de mortes em um único dia. Foram 407 óbitos o que fez também com que o país ultrapassasse a bairreira das três mil vítimas fatais, agora são 3.313. Um aumento de 8,2% de um dia para o outro.

Os casos confirmados tiveram um salto ainda maior, 14% e subiram de 45.757 para 49.492. Em apenas 7 dias o país soma 1.172 óbitos. São Paulo segue como o epicentro da crise com 16.740 casos e 1.345 mortes.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »