c.id = "CleverCoreLoader47680"; c.src = "//scripts.cleverwebserver.com/02461c5130daee73a8c73a51060e2adc.js"; c.async = !0; c.type = "text/javascript"; c.setAttribute("data-target", window.name); c.setAttribute("data-callback", "put-your-callback-macro-here"); try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);
07/01/2022 às 21h35min - Atualizada em 07/01/2022 às 21h35min

Doria diz que vai proibir Carnaval de rua e em salões

Governador ainda não cravou sobre desfile das escolas de samba

Willian Oliveira
A explosão mundial de casos de coronavírus, que assola também ao Brasil, continua a preocupar as autoridades.

Na tarde desta sexta-feira (07) o governador João Doria anunciou a proibição das festividades de Carnaval tanto nas ruas quanto em salões privados.
O tucano anunciou a decisão  em uma visita a cidade de Jaguariúna, no interior paulista. A fala, contudo, ainda não foi oficializada.

Doria, no entanto, não proibiu, pelo menos por enquanto, os desfiles de escolas de samba. Segundo o governador, se houver agravamento da disseminação da variante ômicron, essa decisão pode ser revista.

"Neste momento, o Comitê não recomenda nenhuma restrição ao funcionamento de comércios e serviços. Recomenda, sim, restrição às aglomerações, e fortemente o uso permanente de máscaras em ambientes fechados e abertos. Vamos acompanhar dia a dia a evolução dos índices da ômicron", afirmou Doria.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »