c.id = "CleverCoreLoader47680"; c.src = "//scripts.cleverwebserver.com/02461c5130daee73a8c73a51060e2adc.js"; c.async = !0; c.type = "text/javascript"; c.setAttribute("data-target", window.name); c.setAttribute("data-callback", "put-your-callback-macro-here"); try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);
12/06/2024 às 09h14min - Atualizada em 12/06/2024 às 09h14min

Pix terá nova funcionalidade: pagamento por aproximação; entenda

Em breve, será possível pagar compras apenas por aproximação do celular

Direto da Redação
Foto Ilustrativa/ Marcello Casal Jr por Agência Brasil


LEIA TAMBÉM:
Jovens são detidos e confessam assalto em farmácia de Araraquara; dois menores.
Arraiá’ da Bondade da APAE de Araraquara começa hoje (12); veja a programação.




Em evento realizado nesta terça-feira (11) em São Paulo, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, anunciou a mais recente novidade do Pix, o sistema de pagamento instantâneo utilizado por 150 milhões de brasileiros. Em breve, será possível pagar compras apenas por aproximação do celular.

 

Campos Neto revelou que o consumidor poderá registrar uma chave Pix nas carteiras digitais, como Apple Pay e Google Pay, e utilizá-las da mesma forma que os cartões de crédito ou débito virtuais.

 

 

Percebemos que podemos fazer algo muito rápido. Estamos fazendo uma associação com as carteiras, como Google Pay e Apple Pay, e ao invés de colocar cartão de crédito lá, pode apenas colocar Pix”, explicou Campos Neto durante o evento Valor’s Emerging Tech Summit 2024.
 

 

 

Tem data para início?

 

Embora ainda não tenha sido definida a data de lançamento da nova funcionalidade, Campos Neto afirmou que o Banco Central está trabalhando nos acordos necessários com as empresas responsáveis pelas carteiras digitais.

 

Atualmente, segundo dados apresentados por Campos Neto, existem 108 milhões de brasileiros bancarizados. O Pix é utilizado por cerca de 150 milhões de pessoas, incluindo 14,5 milhões de empresas, e há 754 milhões de chaves Pix cadastradas nas instituições de pagamento e nos bancos.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »