c.id = "CleverCoreLoader47680"; c.src = "//scripts.cleverwebserver.com/02461c5130daee73a8c73a51060e2adc.js"; c.async = !0; c.type = "text/javascript"; c.setAttribute("data-target", window.name); c.setAttribute("data-callback", "put-your-callback-macro-here"); try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);
19/06/2024 às 08h16min - Atualizada em 19/06/2024 às 08h16min

Estudante denuncia injúria racial de colega de classe no Sesi Araraquara; 'negrinho desgraçado’

Caso foi registrado por representantes da unidade de ensino; ‘lamentamos o ocorrido e estamos adotando as providências necessárias’, disse o Sesi

Direto da Redação
Sesi/Reprodução Redes Sociais

Leia ainda:
Após perseguição policial, dupla é presa em flagrante com tijolo de maconha e dinheiro em Rincão.
Vereadores aprovam regras para funcionamento de painéis luminosos de propaganda em Araraquara.




Um caso de injúria racial foi registrado envolvendo um adolescente em Araraquara. O fato ocorreu na última quarta-feira (12), na unidade do Sesi da cidade, porém o boletim de ocorrência foi registrado na noite desta segunda-feira (17).

 

Segundo o registro, no plantão policial, compareceram a diretora da unidade escolar, em companhia de uma orientadora educacional e de uma psicóloga informando que foram procuradas por estudante no Ensino Médio da unidade denunciando o colega da mesma sala de injúria racial, ocorrida de forma verbal e também por meio de mensagens.

 

Essas mensagens xingam o aluno de “negrinho desgraçado, escravo e de criolo", ofensas essas que se prolongam com o tempo, “deixando o ambiente escolar totalmente desfavorável ao propósito de aprendizado”, diz o boletim.

 

Ainda de acordo com o regristro policial, o fato já foi protocolado no Conselho Tutelar II e comunicado aos pais do aluno denunciado, mas até o presente momento nenhuma manifestação ocorreu tanto em relação ao Conselho Tutelar quanto em relação aos pais do estudante.

 

Um boletim de ocorrência de ato infracional/preconceito de raça e cor foi registrado. O Portal Araraquara Agora entrou em contato com a assessoria de imprensa do Sesi que afirmou prezar sempre pelo respeito no ambiente escolar, incentiva a diversidade e “repudia toda atitude discriminatória, ofensiva e preconceituosa”.

 

Disse ainda que a instituição possui um projeto permanente chamado “Diversidade, Inclusão e Cultura de Paz”, que trata especificamente da questão racial. “Além de ter normas rígidas de conduta e diretrizes educacionais para atos infracionais”.

 

 

Diante do fato ocorrido, prioritariamente, a atenção é voltada ao atendimento e acolhimento do estudante ofendido e o contato com as famílias envolvidas, bem como o repasse de orientações e providências”, disse
 

 

De acordo com a instituição e seguindo o protocolo escolar, “foram feitos os encaminhamentos devidos para as autoridades competentes”.

 

 

Lamentamos o ocorrido e estamos adotando as providências necessárias”, finalizou.
 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »