Araraquara Agora Publicidade 728x90
15/05/2024 às 09h47min - Atualizada em 15/05/2024 às 09h47min

Paulo Pimenta deixa Secom e nome de Edinho Silva é citado para assumir secretaria; prefeito nega

Meu compromisso é terminar o meu mandato em Araraquara, diz Edinho

Direto da Redação



Leia ainda:
Caixa libera abono do PIS/Pasep para novo grupo; saiba se tem direito.
Projeto de auxílio as pessoas LGBTQIA+ não passa na Câmara de Araraquara; veja o motivo.




O ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), Paulo Pimenta, assumirá o cargo de ministro extraordinário que atuará na articulação para a reconstrução do Rio Grande do Sul. A informação foi confirmada pela Agência Brasil.

 

A criação do cargo já tinha sido anunciada pelo governo mais cedo. A ideia é que o representante presidencial, com status de ministro, atue de forma permanente no Rio Grande do Sul enquanto durar a calamidade pública no estado, coordenando uma estrutura administrativa das ações federais na região.

 

A oficialização de Pimenta e os detalhes sobre a nova pasta serão dados durante visita do presidente ao estado, prevista para esta quarta-feira (15), quando serão anunciadas novas medidas de socorro à população gaúcha.

 

 

Edinho assume a Secom?

 

 

Com o cargo de ministro do Secom vago, os grandes veículos de comunicação cogitaram a nomeação do prefeito de Araraquara. Porém Edinho Silva (PT) negou a informação em conversa rápida com o Portal Araraquara Agora. “Meu compromisso é terminar o meu mandato (prefeito) em Araraquara”, disse.

 

O fato não tira o Edinho do jogo, uma vez que o ministro Paulo Pimenta ficará por um bom tempo como representante do governo federal que coordenará toda a atuação federal nas obras de reconstrução do Rio Grande do Sul. Até, pelo menos, o mês de dezembro, período em que o prefeito Edinho terminará o mandato.

 

 

Rio Grande do Sul

 

 

Vale lembrar que Lula irá a São Leopoldo do Sul em uma comitiva que inclui os presidentes da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (PSD-MG).
 

A expectativa é que, na ocasião, seja lançado um auxílio financeiro temporário para as pessoas afetadas pela catástrofe climática. O valor não foi informado. Com a saída de Pimenta da Secom, o cargo será assumido de forma interina pelo jornalista Laércio Portela.

 

Com informações: Agência Brasil.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araraquara Agora Publicidade 1200x90